Tucano recebe novo bico 3D em Jundiaí, após sofrer ataque de onça
Conecte-se conosco

Mundo Pet

Tucano recebe novo bico 3D em Jundiaí, após sofrer ataque de onça

Um equipe de profissionais criaram o projeto em uma impressora 3D com resina que garante mais durabilidade.

Publicado

em

Atualizado há

Tucano com transplante de bico 3D
A novidade deu à ave uma nova chance (Foto: Reprodução/G1)

Uma equipe de veterinários de Jundiaí deu a um tucano uma nova chance, com um bico feito em impressora 3D, após a ave ter perdido parte do membro depois de um ataque de onça. O implante levou cerca de dois meses para ficar pronto, e foi feito com resina, garantindo mais durabilidade.

O tucano, que recebeu o nome “Miguel”, foi resgatado em Franco da Rocha, em abril deste ano, e despertou na veterinária jundiaiense, Anna Beatriz Nicolau Rocha, a vontade de ajudar o bichinho. Assim, ela decidiu estudar sobre o novo tipo de implante que desse mais qualidade de vida ao animal ferido.

“O Miguel deu entrada em Franco da Rocha sem a parte do bico e com outra parte comprometida. O dono do tucano doou pra gente, pois dizia não conseguir arcar com os custos para mantê-lo. Nós já tínhamos visto alguns relatos de implantes feitos em impressoras 3D, mas percebemos que estavam todas fadadas ao fracasso por conta da baixa durabilidade”, conta.

Tempo recorde e primeiro caso

Assim, Anna Beatriz reuniu uma equipe que estudou a aplicação da tecnologia, feita com resina fotopolimerizadora e um pino intramedular. De acordo com a veterinária, esse implante garante ao tucano a mesma qualidade de vida anterior ao incidente com a onça.

Ela explica: “A composição de resina fotopolimerizadora, comumente utilizada por dentistas e os pinos intramedulares foram diferenciais nesta prótese 3D. Ela ficou mais anatômica, leve, o peso total não passou de 30 gramas. Isso garantiu sustentação e funcionalidade, além de distribuição da mordida do tucano. A prótese produzida é maciça e não oca. Como o bico do tucano é aerado, a prótese segue esta anatomia. Ele [Miguel] foi o primeiro tucano a usar o pino intramedular com a resina fotopolimerizadora. Existem aproximadamente três tucanos no mundo com próteses feitas em impressoras 3D, mas utilizam uma resina acrílica normal e que não dura muito tempo”.

As cerca de 15 pessoas que formaram a equipe trabalharam incansavelmente no projeto, desde abril. Entre eles estão engenheiro, dentista, designer e ortopedista, além dos veterinários. Além disso, o grupo contou com um projetista, que cedeu a impressora 3D.

“Fizemos algumas contas de distribuição, mordidas. Como as próteses de resina, que são as mais comuns de serem feitas em impressoras 3D, tem baixa durabilidade, variando entre 25 e 30 dias, trabalhamos para fazer a melhor prótese possível ao Miguel”, ressalta a profissional.

Nova chance

De acordo com Anna Beatriz, com o novo bico implantado e cicatrizado, a qualidade de vida de Miguel melhorou. A ave consegue agora se alimentar bem e se tornou até mais sociável e amoroso.

“O Miguel era nervoso também, super assustado e não deixava ninguém chegar perto dele que já gritava. Hoje é brincalhão e até dorme junto”, finaliza. No entanto, ainda não há uma data prevista para quando ele poderá retornar para a natureza.

Mundo Pet

Padre chuta cachorro em missa e causa revolta: ‘é uma casa de oração e não um curral’

O padre tentou se justificar pelos maus-tratos ao cãozinho, usando passagens bíblicas, mas foi criticado na internet.

Publicado

em

Padre chuta cachorro
Uma mulher que estava na igreja filmou a agressão e publicou nas mídias sociais, mas apagou em seguida (Foto: Reprodução/Youtube)

Geralmente, padres são pessoas que se dedicam à pregação do bem, encorajando outros a seguir o caminho certo. Entretanto, muitas vezes encontramos sacerdotes que não parecem seguir a palavra que pregam. Recentemente, um padre de uma igreja em Cajapampa, no Peru, agiu com crueldade para com um cachorro perdido que havia entrado na igreja. Durante a missa, o cão chegou…

Continuar lendo

Mundo Pet

Filhote de urso é resgatado após comer mel alucinógeno

O animal comeu um pouco do ‘mel louco’, um tipo de mel vindo da flor de rododendro que pode ter efeitos alucinógenos.

Publicado

em

Urso em caminhonete
O urso recebeu atendimento veterinário e solto na natureza alguns dias depois (Foto: Reprodução/The Guardian)

Um filhote de urso marrom desorientado foi resgatado na província de Duzce, no noroeste da Turquia, nesta quinta-feira (11). Acredita-se que o animal acabou intoxicado após comer uma quantidade excessiva do chamado "mel louco". Imagens mostram a ursa fêmea balançando e chorando enquanto ela se sentava de barriga para cima na parte de trás de uma caminhonete. A gravação aconteceu…

Continuar lendo

Mundo Pet

Gatinha chamada ‘bandida’ salva tutor durante tentativa de assalto

A gata, chamada “Bandida”, alertou seu tutor, idoso, após ouvir dois homens invadirem sua casa.

Publicado

em

Gata e idoso
A gata salvou o tutor de ser assaltado por pessoas que invadiam a casa (Foto: Thomas Wells | Daily Journal)

Eram cerca de 2h30 da manhã quando uma gatinha astuta salvou seu tutor de ter a casa assaltada. Fred Everitt, de 68 anos, vive no Mississippi com seu gata de estimação, chamada Bandit ('Bandida', em português). Recentemente, a felina ajudou a evitar um roubo em sua casa. De acordo com o tutor da gatinha, a gata possivelmente salvou sua vida.…

Continuar lendo

Mundo Pet

Cachorrinho ‘furta’ urso de pelúcia em loja, se arrepende e volta para devolver; vídeo

Parece que a consciência pesou…

Publicado

em

Cachorro com urso de pelúcia
Um homem filmou o cachorrinho devolvendo o brinquedo na loja, e o vídeo viralizou (Foto: Reprodução/Youtube)

Os cachorros têm muitas emoções e sentimentos parecidos com os de nós, humanos, e aparentemente, arrependimento também é um deles. Recentemente, um vídeo de um cachorrinho arrependido circulou a internet e encantou os internautas. No vídeo em questão, um cachorro aparece na frente de uma loja, com um urso de pelúcia novinho na boca. De acordo com Hiago Gonçalves, empresário…

Continuar lendo

Mundo Pet

Cão é preso a árvore com corda no pescoço: ‘Deixaram ele lá para morrer’

De acordo com as pessoas que o resgataram, a corda passava por dentro de um cano, e impedia o cachorro de se mover.

Publicado

em

ONG resgata cachorro preso
O cachorro foi resgatado em Coruripe, região do Alagoas (Foto: Marco Lima/Ascom Inan)

Nesta terça-feira (9), voluntários de uma ONG de resgate animal receberam uma denúncia de um cachorro abandonado em uma área de mata. Chegando ao local, os socorristas se depararam com uma cena de partir o coração. O cachorro estava preso pelo pescoço com uma corta curta, que machucava seu pescoço. Além disso, a corda passava por dentro de um cano…

Continuar lendo
Publicidade