Fogos de artifício x animais de estimação: veja como proteger seu pet nas festas de fim de ano
Connect with us

Mundo Pet

Fogos de artifício x animais de estimação: veja como proteger seu pet nas festas de fim de ano

Com a ajuda do Dr. Matheus Moreira, do Centro Veterinário Dr. PetZoo, trouxemos métodos eficazes para proteger os animais de estimação dos fogos de artifício.

Published

on

Atualizado há

Foto: Canva Pro

Os fogos de artifício já são tradição nas festas de final de ano, mas para os animais de estimação, os sons estrondosos podem ser extremamente estressantes, assustadores e até mesmo fatais. Por isso, é crucial que os tutores garantam a segurança e o bem-estar dos seus pets, principalmente durante esse período.

Com a ajuda do Dr. Matheus Moreira, do Centro Veterinário Dr. PetZoo, de Jundiaí, trouxemos métodos eficazes para proteger os animais de estimação dos fogos de artifício.

Impacto dos fogos de artifício nos animais de estimação

“Os fogos de artifício podem desencadear uma série de reações negativas nos animais de estimação, desde ansiedade e medo até comportamentos destrutivos e fugas. Compreender os impactos desses ruídos altos nos animais é fundamental para adotar medidas preventivas e protetoras”, explica o veterinário.

De acordo com o especialista, os animais possuem uma audição mais sensível do que os humanos. Dessa forma, sons altos – como os fogos de artifício – podem causar desconforto extremo. Os cachorros, por exemplo, têm uma audição quatro vezes mais aguçada do que os humanos, o que os torna particularmente mais suscetíveis a reações negativas.

Reações comuns dos animais aos fogos de artifício

É comum que animais assustados pelos fogos de artifício busquem se esconder, fugir ou apresentem comportamentos destrutivos. “Os bichinhos estressados podem começar a roer móveis ou arranhar portas. Essas reações podem resultar em ferimentos ou fugas perigosas”, destaca Dr. Matheus.

Como proteger os animais de estimação

Criando um ambiente seguro

Criar um refúgio seguro em casa pode ajudar os animais a se sentirem protegidos durante os fogos de artifício. Isso pode incluir áreas tranquilas com camas confortáveis, brinquedos favoritos e música suave para abafar o som dos fogos.

Preparação antecipada

Planeje com antecedência. “Identifique áreas seguras, mantenha os animais dentro de casa e garanta que estejam devidamente identificados com coleiras e microchips”.

Atenção aos sinais de estresse

Observe atentamente os sinais de estresse nos animais durante os fogos de artifício. Agitação, tremores, vocalização excessiva e tentativas de fuga são sinais de que o animal está desconfortável e precisa de apoio.

Técnicas de conforto

Além disso, os tutores podem colocar bolinhas de algodão nos ouvidos ou uma faixa ao redor do pet, que simula um abraço e o faz se sentir protegido. Basta pegar um lenço, uma faixa ou até um pano comprido, passar por debaixo do pescoço, cruzar em cima, passar debaixo do abdômen e amarrar em cima.

Não pode apertar muito, para não interferir na circulação do cachorro, mas vai funcionar como um abraço e ele vai ficar seguro. De preferência, no colo do tutor também, isso dará uma segurança, um conforto para o pet.

Veterinária dá dicas de como acalmar os animais de estimação durante a queima dos fogos de artifício
Foto: Reprodução/TV TEM

Apoio veterinário e produtos calmantes

De acordo com Dr. Matheus, consultar um veterinário para obter orientação sobre produtos calmantes ou medicamentos adequados para reduzir a ansiedade dos animais durante os fogos de artifício pode ser benéfico.

É proibido em Jundiaí

Em 2020, a Câmara Municipal de Jundiaí aprovou em sessão ordinária o projeto de lei que proíbe a soltura de fogos com estampido na cidade. O projeto, de autoria do presidente da Casa, Faouaz Taha, visa saúde e bem-estar de animais domésticos e também de autistas, crianças, idosos, acamados e pessoas hospitalizadas.

Assim, o texto foi levado à votação pela terceira vez e, depois de duas rejeições (em 2017 e em 2019), passou por unanimidade, com 18 votos favoráveis.

Mundo Pet

Passeio de gato dá errado e ele acaba preso em árvore de forma hilária

Published

on

Gato preso em árvore
Foto: Reprodução/X/GrandCanyonNPS

Recentemente, bombeiros e guardas florestais do Parque Nacional do Grand Canyon receberam um pedido urgente de resgate de um gato preso em uma árvore. Um felino havia escapado de uma área residencial e o pobre coitado assustado subiu correndo em uma árvore gigante, ficando preso em um de seus galhos. “O gato foi localizado a aproximadamente 15 pés [4,5 metros]…

Continue Reading

Mundo Pet

Filhotes foram jogados de carro em movimento em córrego

Os filhotes de Labrador Retriever caíram no córrego e se debateram tentando escapar. Um filhote conseguiu sair da água, mas o outro ficou meio submerso.

Published

on

Filhotes carro em movimento em córrego
Foto: Reprodução/SNAAR/The Dodo

É difícil surpreender os experientes socorristas da Special Needs Animal Rescue & Rehabilitation Northeast (SNARR) - depois de 13 anos salvando animais em sua vizinhança eles já testemunharam quase tudo. Mas uma ligação que a SNARR recebeu no início deste mês sobre dois filhotes de cachorro abandonados foi diferente de tudo o que eles já tinham visto. “Esses dois filhotes…

Continue Reading

Mundo Pet

Cão abandonado em casa vazia não faz ideia de que sua família não vai voltar

O tutor do cão havia falecido recentemente e a família decidiu simplesmente abandoná-lo em vez de levá-lo a um abrigo. Assim, ele foi deixado sozinho.

Published

on

Cão deitado em escada
Foto: Reprodução/Amanda Knight/The Dodo

Amanda passeava com seu cachorro em sua vizinhança quando notou outro cão passando correndo por ela. A princípio, ela pensou que o cão pertencia a um de seus vizinhos. Mas logo percebeu que algo não estava certo - o pet precisava de sua ajuda. “Percebi que ele estava sozinho e assustado. Ele estava absolutamente apavorado”, disse Amanda ao The Dodo.…

Continue Reading

Mundo Pet

Gato tem reação emocionante ao ver retrato de melhor amiga que morreu; VÍDEO

“Groot ficava sentado na porta da frente, esperando que ela voltasse”, disse a tutora. Era como se a outra metade do gato tivesse ido embora.

Published

on

Gato fazendo carinho em cachorro
Foto: Reprodução/Asya Cutrino/The Dodo

Quando essa doce cadela sênior chamada Cleo entrou em seu 11º ano de vida, sua família adotou um gato agitado chamado Groot. No início, o cachorro estava cético em relação ao seu novo e mal-humorado irmão felino, mas a energia e a natureza amorosa do felino logo se mostraram contagiantes. “Ela se tornou amiga dele”, disse Asya Cutrino, a tutora…

Continue Reading

Mundo Pet

Cachorro mais velho do abrigo observa todos passarem por ele em evento de adoção

“Ninguém está fazendo fila do lado de fora por horas por essa doce menina. Ninguém está lutando por ela”, escreveu o abrigo.

Published

on

Cachorro pit bull em abrigo
Foto: Reprodução/Facebook/OCAS Foster Canine Chronicles

Quando a equipe do Serviço Animal de Orange County se inscreveu para um megaevento de adoção no mês passado, eles imediatamente souberam quais cachorros deveriam levar. Eles sabiam que algumas ninhadas de filhotes e alguns cães pequenos atrairiam possíveis adotantes, mas eles realmente esperavam encontrar lares para seus residentes mais antigos e mais longos, como a pit bull chamada Bebêzinha.…

Continue Reading
Advertisement