Segunda Audiência Pública sobre o Trem Intercidades é realizada em Jundiaí
Conecte-se conosco

Jundiaí

Segunda Audiência Pública sobre o Trem Intercidades é realizada em Jundiaí

O objetivo da audiência foi tratar sobre o pedido de licença prévia e apresentar a análise do Estudo de Impacto Ambiental (EIA)

Publicado

em

Atualizado há

População pôde acompanhar a audiência pública de forma presencial ou virtualmente. Foto: Prefeitura de Jundiaí

Foi realizada na Escola Estadual Dr. Antenor Sorares Gandra, no Centro de Jundiaí, a segunda (de três) audiências públicas (Campinas/Jundiaí/São Paulo), para tratar da implantação do Trem Intercidades (TIC) Eixo Norte e da Segregação Noroeste do Transporte de Cargas. A audiência foi mediada por membros do Conselho Estadual do Meio Ambiente (CONSEMA).

O objetivo da audiência foi tratar sobre o pedido de licença prévia e apresentar para a sociedade a análise do Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e o Relatório de Impacto Ambiental (RIMA). Atualmente, o processo de licenciamento está em fase de análise da viabilidade socioambiental do empreendimento que é avaliado pela CETESB. A previsão é que esta etapa vá até o fim do primeiro semestre.

Com os dados apresentados pelo estudo EIA/RIMA, o geógrafo responsável apresentou à população o Empreendimento, Diagnóstico Ambiental e a Avaliação Ambiental do Projeto. “Hoje estamos aqui para explicar os potenciais impactos ambientais que podem ocorrer com a implantação do empreendimento e como preveni-los e, até mesmo, compensá-los”, afirma Marcos Rocha, Geógrafo da JGP, Consultoria Ambiental, empresa responsável pelo Estudo de Impacto Ambiental do empreendimento.

Segundo Augusto Almudim, Secretário de Parcerias e Investimentos do Governo do Estado de São Paulo, os benefícios desses projetos são impactar positivamente a vida da população da Região Metropolitana e das cidades que a cercam. “Serão 430 quilômetros de vias férreas executadas, fomentando a mobilidade sobre trilhos. Serão 255 mil passageiros transportados por dia no TIC Eixo Norte, além da integração entre as cidades de Jundiaí, Louveira, Vinhedo, Valinhos e Campinas”.

Fazem parte do projeto; Trem Intercidades – (TIC) Serviço Expresso de Transporte Ferroviário de Passageiros, ligando São Paulo (Barra Funda) a Jundiaí e Campinas. Trem Intermetropolitano (TIM), que passará por cinco estações: Jundiaí, Louveira, Vinhedo, Valinhos e Campinas. Além da já existente Linha 7 – Rubi, que terá sua estrutura totalmente renovada, mantendo o trajeto entre a Estação da Barra Funda (São Paulo) e Jundiaí.

Geógrafo Marcos Rocha, explica sobre os estudos EIA/RIMA, para os participantes da audiência. Foto: Prefeitura de Jundiaí

“O objetivo da implantação da via exclusiva é eliminar esse gargalo que existe hoje em dia, com ganho para o transporte de passageiros e o transporte de cargas”, explica Ricardo Uchôa, Gerente Geral Programa Segregações, da MRS. Com a implantação da via ferroviária da Segregação Noroeste, o escoamento de cargas será feito de forma exclusiva do Terminal Intermodal de Jundiaí (TIJU) até o Porto de Santos. A primeira fase da obra consiste na instalação da via férrea até Campo Limpo Paulista.

“O projeto visa a eficiência no transporte de cargas e passageiros. Os novos serviços ampliarão a acessibilidade regional do município, o fomento à economia e a criação de novos empregos”, disse Sinésio Scarabello Filho, Gestor da Unidade de Gestão de Planejamento Urbano e Meio Ambiente, que entregou ao CONSEMA um ofício com os 17 pontos de interferências do projeto com a infraestrutura municipal, de mobilidade, inclusive da fauna, e de drenagem e ressaltou a necessidade de previsão das respectivas soluções no orçamento das obras. Depois da apresentação do projeto, a tribuna foi aberta à população para questionar e tirar dúvidas sobre a implantação do empreendimento.

Também participaram da audiência parlamentares de diversos municípios, representantes das Unidades de Mobilidade e Transporte (UGMT), Infraestrutura e Serviços Públicos (UGISP), Cultura (UGC) e Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (UGDECT) da Prefeitura de Jundiaí, além de representantes da DAE. A próxima audiência pública está marcada esta quinta (15), às 17h, no CEU PERA-MARMELO, Teatro Plínio Marcos Machado, localizado na Rua Pêra-Marmelo, 226 – Jardim Santa Lucrécia – Pirituba, São Paulo.

A audiência completa está disponível neste link.

Jundiaí

Última chance para empreendedores participarem da 6ª FENS em Jundiaí

Descubra como participar deste evento imperdível, fortalecer seu negócio e fazer networking com outros empreendedores em Jundiaí.

Publicado

em

Visitantes exploram estandes na 5ª Feira do Empreendedor, Negócios e Serviços (FENS) em Jundiaí, destacando inovação e oportunidades de negócios.
Empreendedores se conectam e apresentam seus negócios na última edição da FENS, um evento que fortalece o comércio local e fomenta oportunidades. (Foto: Prefeitura de Jundiaí)

Inscrições abertas para a maior feira de negócios da região Empreendedores de Jundiaí têm até o dia 28 de maio para garantir sua participação na sexta edição da FENS – Feira do Empreendedor, Negócios e Serviços. O evento, totalmente gratuito, oferece uma oportunidade única para apresentar produtos, serviços e fazer networking com outros empreendedores da região. Evento gratuito com apoio…

Continuar lendo

Jundiaí

Jundiaí Feito à Mão fortalece o artesanato local com nova curadoria profissional

A Mestra Artesã Cleide Toledo assume a curadoria, trazendo mais visibilidade e oportunidades aos artesãos de Jundiaí.

Publicado

em

Reunião de pequenos empreendedores no auditório de Jundiaí para discutir o projeto "Jundiaí Feito à Mão", promovendo artesanato local.
Eduardo Alvarez, gestor da UGAAT, apresenta a Mestra Artesã Cleide Toledo aos artesãos do Jundiaí Feito à Mão (Foto: Prefeitura de Jundiaí)

Nova curadoria valoriza e fortalece o artesanato em Jundiaí Em uma reunião realizada no auditório do Fundo Social de Solidariedade, foi anunciada a nova curadoria do programa Jundiaí Feito à Mão. A renomada Mestra Artesã Cleide Toledo, em parceria com o Galpão Criativo, assume a responsabilidade de selecionar novos artesãos para o programa, visando fortalecer ainda mais o artesanato local.…

Continuar lendo

Jundiaí

Doações para crianças do RS: Jundiaí recebe brinquedos, livros e roupas até dia 29

Saiba como contribuir com brinquedos e livros para as vítimas infantis das enchentes gaúchas.

Publicado

em

Voluntárias do Fundo Social de Jundiaí organizam brinquedos doados para crianças afetadas pelas enchentes no Rio Grande do Sul.
Fantasias infantis, livros, brinquedos, descartáveis e roupas íntimas novas são triadas pela equipe de voluntários (Foto: Prefeitura de Jundiaí)

Jundiaí, a Cidade das Crianças, abraça a solidariedade e arrecada doações para as crianças afetadas pelas inundações no Rio Grande do Sul. Até o dia 29 de maio, a cidade recebe itens como brinquedos, livros, roupas íntimas infantis e descartáveis, que serão destinados aos pequenos de Canoas e Colinas. Escolas Municipais engajadas na campanha de doação para o RS As…

Continuar lendo

Jundiaí

Saúde Ambiental de Jundiaí identifica morcego positivo para raiva

O animal foi encontrado no interior de uma residência no bairro Ivoturucaia, e pode ter tido contato com três gatos que estavam no local.

Publicado

em

Jundiaí identifica morcego positivo para raiva, foto mostra o animal sendo manuseado com pinças em laboratório.
Confira as orientações das autoridades (Foto: Prefeitura de Jundiaí)

A equipe de Vigilância em Saúde Ambiental (VISAM) de Jundiaí identificou, nesta sexta-feira (24), um morcego positivo para a raiva no bairro Ivoturucaia. O animal, um insetívoro, estava vivo no interior de uma residência e pode ter tido contato com três gatos que estavam no local. Felizmente, os felinos já estavam vacinados contra a doença e não houve nenhum caso…

Continuar lendo

Jundiaí

Investimentos no Porto de Santos irão gerar empregos e desenvolvimento para Jundiaí

O Terminal Intermodal Jundiaí (TIJU) passará a ser um REDEX – Recinto Especial para Despacho Aduaneiro de Exportação, facilitando as exportações das empresas da região.

Publicado

em

Visão aérea do terminal logístico ferroviário de Jundiaí
Foto: Prefeitura de Jundiaí

O Porto de Santos, o maior da América Latina e um dos principais do mundo, terá um aporte de R$ 10,6 bilhões em investimentos nos próximos cinco anos - e este plano impactará o Terminal Intermodal Jundiaí (TIJU). O plano prevê doze projetos estratégicos que visam aumentar a capacidade e a eficiência do porto, além de reduzir o impacto ambiental…

Continuar lendo
Publicidade