Jundiaí está entre as dez melhores em saneamento
Connect with us

Dia Mundial da Água

Jundiaí está entre as dez melhores em saneamento

Cidade é oitava do País em saneamento, entre cidades com mais de 400 mil habitantes, segundo o Ranking do Saneamento do Instituto Trata Brasil (ITB).

Published

on

Atualizado há

Represa da DAE Jundiaí
Jundiaí também está entre as dez melhores do Brasil em tratamento do esgoto (Foto: Prefeitura de Jundiaí)

Jundiaí é o oitavo município do Brasil em saneamento, entre cidades com mais de 400 mil habitantes. Os dados são da 16ª edição do Ranking do Saneamento, publicado pelo Instituto Trata Brasil (ITB) e divulgado nesta quarta-feira (20). No estudo geral, Jundiaí é a 11ª cidade do País e a sexta cidade no Estado de São Paulo.

O ranking considera indicadores do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS), ano-base 2022. Jundiaí tem 99,63% de atendimento com redes de água para população urbana e rural, e 98,79% para redes de esgoto. Além disso, a cidade também está entre as dez melhores do Brasil em tratamento do esgoto. Jundiaí trata e devolve limpo à natureza 100% do que coleta.

“Subimos 13 posições do ranking anterior para o atual. Isso comprova os esforços realizados pela DAE e pela Prefeitura de Jundiaí em levar água e esgoto a toda a cidade. Jundiaí já é referência por ter saneamento universalizado”, aponta o diretor presidente da DAE Jundiaí, Walter da Costa e Silva Filho.

De acordo com o prefeito de Jundiaí, Luiz Fernando Machado, os investimentos em saneamento representam saúde e qualidade de vida para a população, em especial para as crianças. “Jundiaí tem compromisso de oferecer serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário de qualidade”, afirma.

“O saneamento é um dos fatores responsáveis por atrair empresas para a cidade e que colaboram para sermos a 12ª cidade do Brasil com o maior Produto Interno Bruto (PIB) per capita, gerando mais oportunidades”, comenta o gestor de Governo e Finanças, José Antonio Parimoschi.

Considera-se universalizadas as localidades que contam com 99% de sua população com acesso à água tratada e 90% com coleta e tratamento de esgoto, de acordo com a Lei 14.026/2020, o Novo Marco Legal do Saneamento.

ETA Anhangabaú em Jundiaí
Foto: Prefeitura de Jundiaí

Ranking de saneamento

No ranking geral, Maringá, no Paraná, é a melhor no País em saneamento, seguida por São José do Rio Preto, Campinas, Limeira, Uberlândia, Niterói, São Paulo, Santos, Cascavel, Ponta Grossa e, na 11ª posição, Jundiaí.

Investimentos em saneamento em Jundiaí

Os investimentos realizados pela DAE nos últimos anos contribuíram para que a cidade esteja entre as melhores do Brasil. A DAE implantou novas redes de água e esgoto em regiões periféricas, como o Jardim Tamoio, Balsan, Baixada do Paraná, Bom Jardim, Ivoturucaia, Mato Dentro, Champirra e Rio Acima.

DAE levou redes de água e de esgoto a regiões periféricas, como o Balsan
Foto: Prefeitura de Jundiaí

Além disso, focou o orçamento na modernização da operação. A empresa entregou novos reservatórios de água tratada nas regiões do Jardim Carlos Gomes, FazGran, Distrito Industrial e Anhangabaú. Também ampliou a capacidade de tratamento na Estação de Tratamento de Água do Anhangabaú (ETA-A). Assim, passou de 1.800 litros por segundo para 2.400 litros por segundo.

A DAE Jundiaí ainda instalou sete novos painéis de média tensão na Estação Elevatória de Água Bruta do rio Jundiaí Mirim, o Recalque. De lá, é bombeada 95% da água que abastece a cidade. Somados, os investimentos chegam a mais de R$ 100 milhões.

Dia Mundial da Água

Companhia Saneamento de Jundiaí: tratamento de esgoto da cidade é referência nacional

O trabalho da CSJ foi crucial para a despoluição do Rio Jundiaí, sendo o primeiro da América Latina a alcançar este feito

Published

on

Foto: Divulgação/CSJ

No cenário atual, a despoluição dos rios e a garantia de água de qualidade tornaram-se imperativos. O Rio Jundiaí, outrora poluído, hoje flui limpo e cheio de vida, levando o título de primeiro rio despoluído da América Latina. Central nesse processo de transformação está a Companhia Saneamento de Jundiaí (CSJ). Responsável pelo tratamento de esgoto, a CSJ evita que mais…

Continue Reading

Dia Mundial da Água

No Dia Mundial da Água, DAE Jundiaí debate regulação do saneamento

Representantes da Agência Nacional das Águas e da ARES-PCJ abordaram o tema, conduzido pela diretora da DAE Ingrid Nascimento.

Published

on

Foto: Prefeitura de Jundiaí

Nesta sexta-feira (22), Dia Mundial da Água, o Auditório Planeta Água, na sede da DAE Jundiaí, recebeu um debate sobre regulação em saneamento. O encontro reuniu servidores e contou com palestras do superintendente adjunto de Regulação de Saneamento Básico da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), Alexandre Anderáos; e do diretor administrativo e financeiro da Agência Reguladora PCJ…

Continue Reading

Dia Mundial da Água

Educação ambiental e resiliência hídrica são temas da Semana da Água na DAE Jundiaí

O objetivo do encontro, que aconteceu no Dia Mundial da Água, foi disseminar a importância do uso consciente e o cuidado com o recurso.

Published

on

A programação da Semana da Água acabou nesta sexta-feira (22), com um evento da diretoria de Assuntos Regulatórios e Novos Negócios (Foto: Prefeitura de Jundiaí)

A programação da Semana da Água da DAE Jundiaí contou com rodas de conversa com servidores, ações educacionais em escolas e palestras sobre resiliência hídrica. O evento celebrou o Dia Mundial da Água, comemorado nesta sexta-feira (22). O objetivo foi disseminar a importância do uso consciente e o cuidado com a água. “Temos em Jundiaí uma situação hídrica segura e…

Continue Reading

Dia Mundial da Água

Dia Mundial da Água: construção civil e seu papel na preservação dos recursos hídricos

A construtora Applausi é um exemplo de compromisso com o cuidado e o uso eficiente desse recurso vital

Published

on

Foto: Divulgação

No cenário atual, a sustentabilidade tornou-se uma prioridade inegável para diversos setores da sociedade, especialmente no mercado da construção civil. Com a crescente conscientização sobre os impactos ambientais de suas atividades, muitas empresas têm assumido compromissos firmes com práticas sustentáveis, especialmente no que diz respeito ao uso responsável dos recursos hídricos. Neste Dia Mundial da Água, destacamos o compromisso da…

Continue Reading

Dia Mundial da Água

2,1 milhões de crianças e adolescentes vivem sem acesso adequado a água no Brasil

Segundo a UNICEF, essa falta de água potável impacta de forma mais intensa crianças e adolescentes negros e indígenas, comprometendo também seu acesso a outros direitos.

Published

on

Menina bebendo água
Foto: Canva Pro

Neste Dia Mundial da Água, o UNICEF chama atenção para 2,1 milhões de crianças e adolescentes que vivem sem acesso à água potável no Brasil. Os dados são de uma análise do UNICEF com base no Censo Demográfico 2022, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Assim, as informações trazem um alerta sobre a urgência de investimentos para garantir…

Continue Reading