De luto, cachorro pit bull chora a perda da tutora que era sua melhor amiga
Conecte-se conosco

Mundo Pet

De luto, cachorro pit bull chora a perda da tutora que era sua melhor amiga

“Ela chorou muito. Tremia de tristeza, mas entendeu que sua avó estava descansando em paz”.

Publicado

em

Atualizado há

Foto: Reprodução/Delvia González

Esta é Greka, uma doce pit bull que vive no México com sua tutora, Delvia González. Greka é como todo cachorro, gosta de brincar e passar o tempo com as pessoas mais próximas a ela. Ela nunca conheceu uma pessoa de quem não gostasse, mas sempre houve alguém que ocupou um lugar especial em seu coração.

Foto: Delvia González

Todos os dias, quando Delvia ia para o trabalho, ela deixava o cachorro na companhia de sua mãe de 70 anos, também chamada Delvia. Com o tempo, porém, ela se tornou muito mais do que uma simples babá de animais. Em pouco tempo, Greka e Delvia se tornaram as melhores amigas.

“Elas faziam companhia uma à outra e sempre passavam o tempo juntas, brincando de buscar a bola e, quando se cansavam, começavam a assistir à TV juntas”, disse González ao The Dodo.

Foto: Delvia González

O cão estava sempre presente na diversão que eles compartilhavam. E ela sempre estava presente quando Delvia ficava doente. “Minha mãe tinha diabetes e, por causa disso, sua visão foi afetada. Ela mal conseguia enxergar, então Greka a apoiava”, disse González. “Quando minha mãe se sentia mal ou tinha alguma alteração nos níveis de glicose, Greka sempre me avisava e ficava ao seu lado. Ela sempre ficava a seus pés, onde quer que ela estivesse.”

O fiel cachorro ficou ao lado da tutora até o fim. Infelizmente, depois de ser internada no hospital há algumas semanas, Delvia faleceu.

Foto: Delvia González

Cachorro de luto

“Greka foi a primeira a entrar no pronto-socorro. Ela estava muito desesperada e preocupada com sua avó”, disse Delvia. “Queríamos que Greka soubesse que sua avó não voltaria e, por esse motivo, no dia em que a enterramos, levamos Greka para se despedir. Nós a levamos para perto do caixão. Ela chorou muito. Tremia de tristeza, mas entendeu que sua avó estava descansando em paz.”

Delvia se foi – mas como mostra este vídeo de partir o coração que a filha compartilhou recentemente, ela está longe, muito longe de ser esquecida:

Em casa, González colocou uma foto de sua mãe como lembrança. É uma foto da qual o cachorro não consegue tirar os olhos. “Ela está muito triste. Ela se aproxima da foto, leva a bola para a avó e fica sentada esperando que ela a jogue para ela.”

Dessa forma, a tutora tem feito o possível para confortar o pit bull em sua tristeza. E, ao fazer isso, ela também está sendo consolada à sua própria maneira. “Sinto minha mãe comigo toda vez que abraço Greka ou toda vez que ela me traz sua bola”, disse Delvia. “Seu amor por minha mãe nos manteve unidas para suportar esse processo muito difícil.”

Além disso, durante uma recente visita à praia, Delvia e Greka receberam um sinal de que a vovó ainda estava com elas. Assim como o amor por um cachorro pode exceder em muito o tempo de vida dele, o mesmo se aplica ao amor deles. Delvia pode ver nos olhos de Greka que esse é um laço que não se rompe facilmente. “Eles tinham um vínculo muito especial“.

Foto: Delvia González

Mundo Pet

Mamãe cachorro é abandonada por ter dado à luz muitos filhotes

Quando a mamãe chegou ao resgate, estava incrivelmente magra, cega de um olho e coberta de pulgas, mas seus filhotes estavam muito bem cuidados.

Publicado

em

Cadela resgatada amamentando 12 filhotes de cachorro em abrigo
Foto: Reprodução/One of a Kind Pet Rescue/The Dodo

Quando a equipe da ONG de resgate animal One of A Kind soube da história de Violet, uma mamãe cachorro abandonada após dar à luz uma ninhada de 12 filhotes, seus corações se partiram. Evidentemente, isso era mais do que a antiga família da cadela queria lidar. Então, eles fizeram o impensável. "Fui contatada por uma mulher que é amiga…

Continuar lendo

Mundo Pet

Pato rejeitado por irmãos encontra felicidade com filhotes de cachorro

Não querendo que seu pato se sentisse muito solitário, a tutora decidiu apresentá-la aos filhotes de cachorro de 4 semanas de idade que ela estava criando.

Publicado

em

Patos e filhotes de cachorro brincando juntos em um gramado verde, criando um momento de interação adorável e natural.
Foto: Reprodução/Alma Ackermann/The Dodo

Você já viu uma família incomum? Conheça Honey: um pato que vive em uma pequena cidade com sua família de patos e cachorros. Honey nasceu com uma torção no pescoço porque um cuidador anterior não lhe forneceu nutrientes suficientes enquanto o pato estava incubando. Felizmente, sua condição não é dolorosa - sua tutora, Alma Ackermann, disse ao The Dodo que…

Continuar lendo

Mundo Pet

Cachorro muito tímido se recusa a sair de canil até que socorristas sejam ‘criativos’

Eles o atraíram com petiscos e passearam com outros cães para ver se o pit bull saía para brincar. Mas o cão não cedeu. “Tivemos que ser criativos”, escreveu a ONG.

Publicado

em

Pit bull deitado em uma cama em um abrigo, usando um colete cinza com bordas laranja, olhando para a câmera.
Foto: Reprodução/Facebook/Pennsylvania SPCA

Conheça Tiana, um cachorro pit bull de 11 meses de idade, cuja vida começou em uma situação difícil. Em fevereiro, a equipe de resgate salvou Tiana de um tutor negligente e a levou para a ONG de resgate da Pennsylvania (SPCA). No resgate, o cachorro não precisava mais se preocupar que a ignorassem. No entanto, não percebeu que estava em…

Continuar lendo

Mundo Pet

Cachorro que estava desesperado para escapar do abrigo finalmente realiza seu desejo

Depois de mais de um ano no abrigo e uma tentativa fracassada de fugir, o cachorro finalmente teve o descanso que precisava.

Publicado

em

Cachorro da raça husky em cima de telhado de abrigo de animais
Foto: Reprodução/Facebook/Adam's County Pet Rescue

Em março de 2023, o pessoal do abrigo animal de Adams County acolheu um cachorro husky encontrado vagando pelas ruas. Eles perceberam que o cão vinha de um lar em algum momento e esperavam que sua família a buscasse nos dias seguintes, mas, infelizmente, ninguém apareceu. Então, a equipe colocou a cadela, que mais tarde recebeu o nome de Luna,…

Continuar lendo

Mundo Pet

Em dez dias, três tatus-galinha foram atropelados na região de Jundiaí

De acordo com a Mata Ciliar, todos os animais chegaram à associação em estado grave e, infelizmente, não resistiram aos ferimentos.

Publicado

em

Duas imagens de tatu-galinha com ferimentos na clínica veterinária da Mata Ciliar.
O tatu-galinha é um animal noturno, período em que os motoristas devem redobrar a atenção (Foto: Mata Ciliar)

A Mata Ciliar de Jundiaí, organização dedicada à reabilitação de animais silvestres, tem registrado um aumento alarmante no número de tatu-galinhas vítimas de atropelamentos. De acordo com a associação, em apenas dez dias, a equipe recebeu três destes animais, todos em estado grave e que, infelizmente, não resistiram aos ferimentos. O tatu-galinha, com sua carapaça resistente, é um animal noturno,…

Continuar lendo